ACIDENTE COM CARRETA QUE PERDEU O FREIO MOSTRA QUE INSPEÇÃO VEICULAR DEVE SER OBRIGATÓRIA

Foto: Carlos Eduardo Alvim/TV Globo

 

Um acidente na tarde desta quarta-feira (19), no Anel Rodoviário, sentido Vitória, altura do km 537, no bairro Betânia, em Belo Horizonte, envolveu vinte veículos, sendo uma carreta e dois caminhões.

 

De acordo com testemunhas, antes do acidente, as lonas de freio da carreta estavam em chamas e, devido a isso, o motorista deve ter perdido o controle do veículo.

 

A carreta que causou a batida transportava óleo lubrificante, que derramou pela pista. Um dos caminhões fazia transporte de líquido inflável, e o outro estava vazio. Os demais veículos eram carros de passeio.

 

Segundo o Corpo de Bombeiros, apesar da proporção do acidente e do número de veículos envolvidos, ninguém ficou ferido.

 

Após mais um acidente por perda de freios fica apenas uma certeza: a inspeção veicular é mais que uma necessidade e deve ser uma exigência de todos.

 

De acordo com o diretor executivo da Associação Mineira da Segurança Veicular (AMSV), Daniel Bassoli, acidentes desse tipo demonstram, mais uma vez, a falta que faz uma inspeção veicular correta, feita por profissionais capacitados, em locais apropriados (as ITLs – Instituições Técnicas Licenciadas)  e de acordo com a resolução do Contran. “Se todos os veículos fizessem uma inspeção periódica, com certeza o número de acidentes seria menor, pois haveria a garantia da manutenção da frota. Em um programa de inspeção veicular, há profissionais, estrutura e equipamentos adequados para identificar defeitos, reduzindo riscos de acidentes por falhas mecânicas”.

 

Topo